19 3846.1408

Afinal, quanto custa anunciar no Instagram?

A elaboração de um orçamento de marketing precisa levar em conta todos os potenciais gastos de uma empresa no setor. Isso inclui ações promocionais, licenças de softwares, eventos, impressões e muito mais. Se a sua empresa atua também na internet e deseja atrair público por meio do marketing digital, novas despesas são trazidas para o papel.

No mundo digital é possível realizar um trabalho de atração orgânica, com resultados a longo prazo e de forma relativamente gratuita. Porém, se a sua intenção é atingir objetivos de maneira rápida, anunciar em redes sociais pode ser uma excelente opção. O Instagram, assunto do artigo de hoje, se destaca nessa categoria, já que 80% de seus usuários utilizam a rede para interagir com alguma empresa.

Neste artigo, vamos destacar as possibilidades que a rede oferece para anúncios e explicar como funciona seu orçamento. Ao fim, você terá uma noção clara de quanto custa anunciar no Instagram. Confira!

Como e por que anunciar no Instagram?

Como explicamos acima, a alta taxa de engajamento entre usuários e marcas no Instagram é determinante para a escolha da rede como forma de anunciar. Mas o que significa isso na prática? A resposta é que, além de promover seus anúncios, você poderá usufruir das ferramentas da plataforma na interação com o cliente.

Comprado em 2012 por Mark Zuckerberg, o Instagram é a rede social que mais cresce no mundo. São mais de 1 bilhão de usuários ativos, com uma média de 15 vezes mais interação do que o próprio Facebook. Essas características tornam o ambiente completamente favorável para alcançar sua audiência de forma orgânica.

Ainda assim, o anúncio pago é muito utilizado por marcas que buscam investimento em marketing digital de forma que possam controlar o orçamento e segmentar o público alvo. Falaremos mais sobre isso ao longo do texto. Para começar, vamos entender as três formas mais comuns de anúncios disponíveis por lá.

Carrossel

O carrossel é uma funcionalidade que abriga entre 2 e 10 fotos e/ou vídeos. Um texto é exibido abaixo de cada imagem e um título pode ser escolhido para cada uma delas. Além disso, você pode definir um call to action que leve o usuário até a página que você desejar.

Imagem única

O conceito aqui é bem parecido com o do carrossel, mas limitado a apenas uma imagem. Ainda é possível exibir um pequeno texto abaixo dela e inserir um URL destinando à outra página.

Vídeo único

A utilização de um vídeo é uma ótima alternativa para variar seu conteúdo e atrair mais atenção. A ferramenta de anúncios do Instagram permite o upload de um arquivo .mp4, .mov ou .gif de até um minuto. É possível ainda adicionar legendas para os vídeos e criar animações a partir de suas imagens.

Quais possibilidades os anúncios oferecem?

Vamos ao que interessa! A principal razão que faz com que o Instagram seja tão popular entre anunciantes são as diversas personalizações e variedades que oferece. Para usufruir delas de forma completa, é preciso seguir alguns passos.

Primeiro, você deve determinar o objetivo de sua campanha. O que você espera alcançar com o anúncio? Ter em seu alcance a possibilidade de personalizar sua campanha dessa maneira é um adianto e tanto para sua estratégia de marketing. Existem diversos objetivos que podem ser escolhidos, entre eles:

- aumento do reconhecimento da marca;

- maior alcance;

- aumento do tráfego da página;

- aumento de instalações de um aplicativo;

  - aumento de interações;

- maior geração de cadastro;

- incentivo a visitas físicas ao estabelecimento.

Após estabelecer o objetivo de sua campanha, o próximo passo é um dos mais importantes: a definição do seu público.

Definindo o público

Se você tem uma persona bem definida, essa etapa é bem intuitiva. Utilizando esses dados você vai traçar o perfil que você quer que seja alcançado por sua campanha.

Informações como local de residência, idade, gênero e interesses são utilizadas para fazer um recorte demográfico e direcionar o anúncio exatamente para quem você quer.

Após a segmentação do público, você terá acesso ao alcance potencial e alcance diário estimado de sua campanha. Aí é hora de indicar o posicionamento do anúncio.

Posicionando o anúncio

O posicionamento do anúncio tem grande poder estratégico sobre o andamento da campanha. Sua marca pode optar por anunciar apenas no feed do Instagram, no stories ou até mesmo em integração com o Facebook.

Saber qual destes é mais utilizado por sua persona é essencial para definir o posicionamento do anúncio. Outro ponto interessante é a possibilidade de restringir o anúncio a apenas um tipo de dispositivo, opção muito usada por anunciantes de aplicativos que miram em apenas um dos sistemas operacionais existentes.

Como as campanhas são precificadas?

Neste ponto, você já deve ter em mente o valor aproximado que deseja gastar para a campanha no Instagram. Agora é hora de informar esse valor à plataforma. O interessante do Instagram é que o orçamento pode ser definido em diferentes formas.

Se optar por um orçamento diário, sua campanha terá um limite X para gastar diariamente, enquanto se optar por um orçamento vitalício, o dinheiro será gasto até o fim, independentemente do valor despendido para cada dia. Em outras palavras, você pode determinar a data de início e término do anúncio ou deixar a campanha ativa até utilizar todo o orçamento.

A forma de cobrança

Existem duas opções de cobranças que podem ser selecionadas no lançamento de uma campanha que vise o aumento de tráfego ou conversão: CPC (custo por clique) ou CPM (custo por mil). Ao escolher a primeira opção você só será cobrado quando o usuário clicar no anúncio. Essa é uma boa maneira de atingir muitas pessoas e pagar apenas pelas que clicaram na publicação.

Já o CPM é mais indicado em casos onde o público a se lidar seja menor, já testado e identificado. Nessa modalidade seu orçamento será deduzido quando o anúncio alcançar 1000 impressões de usuários, sejam elas cliques ou não.

Para decidir qual anúncio será exibido, o Instagram Ads utiliza um sistema de leilões. O vencedor é aquele com maior valor total, o que, nesse caso, não significa que é o que está disposto a pagar mais. A qualidade, relevância e taxas de ações estimadas também são consideradas.

Nesse cenário, um anúncio com muitos comentários negativos, por exemplo, tem o seu valor total reduzido. Da mesma forma, se um usuário tiver um histórico de interesse no material que está sendo anunciado, seu valor total será aumentado.

Para saber exatamente quanto custa anunciar no Instagram, é preciso primeiro decretar quanto você está disposto a gastar e qual é o seu objetivo com a campanha. A flexibilidade e diferentes formas de cobrança da plataforma permitem abordagens distintas para cada tipo de estratégia.

É importante entender de forma clara quem é o seu público alvo e como ele reage a cada tipo de publicação. Essas informações, aliadas ao sistema de cobrança do Instagram garantem maior eficiência na sua campanha.

E aí, deu para entender como funciona a cobrança por anúncios no Instagram? Que tal continuar seu aprendizado? Continue com a gente e aprenda como preparar sua empresa para a revolução do marketing 4.0!

Gostou desse texto?
Compartilhe na rede
Gostou do que viu?
Fale conosco
Redes
Sociais
dê uma espiada!