19 3846.1408

Como criar e oferecer novos produtos e serviços para o seu cliente?

07/11/2018

Uma coisa é certa: vender bem a longo prazo exige inovação. Isso significa principalmente criar novos produtos para atender às necessidades da demanda. Para você ter uma ideia do que estamos falando, pense no que as Havaianas eram há alguns anos e o que é hoje.

As Alpargatas foram desenvolvidas em 1907, especialmente para uso dos trabalhadores de lavoura de café. Na década de 90, houve uma terrível crise nas vendas — provavelmente porque a imagem da marca estava associada apenas ao público da classe C da economia.

O sucesso disparou quando a marca diversificou as opções de cores, criou uma linha mais sofisticada e investiu em publicidade com a presença de celebridades. Bordões como: “Diamantes são eternos, Havaianas também” contribuíram para transmitir a mensagem desejada.

Neste post reunimos as principais dicas para você colocar em prática, quando o assunto é inovar e criar novos produtos. Confira!

Identifique um problema

No caso das Havaianas, os profissionais de marketing constataram que o produto estava conversando apenas com um tipo de consumidor. Havia um potencial enorme a ser explorado com o público feminino, por exemplo.

Tomando a marca citada como exemplo, procure uma oportunidade. Jamais crie algo por intuição, pois o que você considerar bom pode não ser interessante para os outros. Tente enxergar o seu produto com o olhar do cliente. Assim, você vai encontrar as respostas que precisa.

Providencie um banco de ideias

Converse com os seus colaboradores, com as pessoas do seu convívio diário e com aquelas que compram na sua loja. Elas podem fornecer informações valiosas sobre o que está sendo comentado sobre o produto. Já imaginou se, de repente, alguma coisa inspira um slogan diferente, engraçado e chamativo?

Incentive o diálogo, promova reuniões e registre as ideias para não perdê-las de vista. Feito isso, você vai ter excelentes insights para colocar em prática e, ao mesmo tempo, a sua equipe ganha mais entusiasmo pelo fato de participar da sua tomada de decisão.

Pesquise, analise e planeje antes de criar novos produtos

Para ser bem-sucedido na campanha de lançamento é importante focar em pesquisas para entender uma série de coisas, tais como:

- Qual é o perfil do seu público-alvo?

- Que nicho de mercado é o seu?

- Quem são os concorrentes?

- Como eles trabalham o marketing?

Além disso, identifique os pontos fortes e fracos do seu negócio, o diferencial do produto, o quanto o cliente está disposto a pagar, o preço a ser cobrado etc. Todas essas informações são indispensáveis para o planejamento da sua estratégia.

Cuide da identidade visual

O seu produto pode até ser bom, mas tem que causar uma boa impressão no consumidor, certo? Para isso, nada melhor do que uma embalagem bonita, atraente, criativa e capaz de causar um sentimento positivo em quem olha.

No ponto de venda, tenha bastante atenção com a distribuição do material impresso para sinalizar o lançamento do produto. Na loja virtual, os mesmos cuidados devem ser levados em conta no que diz respeito ao layout, a imagens de boa resolução em diversos ângulos, à descrição do item etc.

Invista em marketing digital sem medo

Mesmo que você adote o marketing tradicional como parte da sua estratégia — a exemplo do anúncio de jornal ou outdoor —, reserve uma boa quantia para investir em marketing digital.

A internet oferece uma série de oportunidades para quem deseja se relacionar melhor com o cliente, fortalecer a marca e se comunicar com eficácia em todos os aspectos. Afinal, as pessoas se acostumaram a usar o celular para tudo, não é mesmo?

Por isso, ofereça um site bacana, um blog com artigos interessantes e amplie os canais de comunicação. Além de telefone e e-mail, disponibilize um chat online, um formulário de contato, um aplicativo ou outro meio de contato.

Marque presença nas mídias sociais

As mídias sociais são ótimas ferramentas de interação. Por isso, use e abuse da criatividade para atrair o público. Construa posts e artigos que, indiretamente, conversam com o seu produto.

Hoje, é preciso ter cuidado para não ser invasivo. O consumidor que está nas redes sociais não é muito tolerante com excessos de publicidade. Lembre-se de que ele está navegando para se informar e se divertir. Sendo assim, evite postar apenas informações sobre o que você deseja vender.

Anuncie na internet

Infelizmente, tudo o que é publicado de forma orgânica ou gratuita não tem um alcance tão grande como gostaríamos que tivesse. Para atingir uma audiência maior, é recomendável investir um pouco em anúncios pagos, incluindo links patrocinados no Google.

A vantagem é que você pode configurar o perfil das pessoas que vão ver a mensagem — por idade, sexo, renda, cidade, profissão, preferências e outros filtros. Além disso, o controle de quanto aplicar ou a duração da campanha fica a seu critério, pois o sistema é todo configurável.

Coloque o e-mail marketing em prática

É um erro acreditar que o e-mail marketing morreu. Pelo contrário: está mais vivo que nunca! Isso acontece porque ele é um meio de comunicação barato, rápido e com entrega eficiente.

Com um bom software de gestão é possível selecionar o seu público de interesse, disparar e-mails automaticamente, criar campanhas personalizadas, gerar mais tráfego para o site/blog e vender muito mais. O sistema diz ainda quem abriu o e-mail ou não e ajuda a fazer testes para identificar que título conquista mais cliques.

Se você ainda não tem uma lista de e-mails, comece a montá-la imediatamente. Peça para a sua equipe anotar o endereço eletrônico do cliente quando for preencher ou atualizar o cadastro. Se for possível, ligue para cada um até completar o registro. O ideal é captar o maior número de contatos possível dentro de uma busca contínua.

Desenvolva boas landing pages

As landing pages são páginas desenvolvidas especialmente para oferecer algo em troca do endereço de e-mail. O usuário faz o download de um material que precisa para tirar uma dúvida e, assim, você consegue o contato.

Dessa forma, a sua lista de e-mails vai crescer cada vez mais. Sempre que realizar campanhas de lançamento de produtos, entre em contato com essas pessoas, pois elas já demonstraram interesse pela sua marca.

É importante destacar que, assim como nas mídias sociais, o e-mail exige alguns cuidados para não ser considerado spam ou mensagem indesejada. Por isso, use o recurso com moderação e ofereça conteúdos que engajam.

Como você viu, criar novos produtos e desenvolver novos serviços são atividades que requerem algumas práticas, como fazer pesquisas de mercado, identificar um problema, cuidar da identidade visual, investir em marketing digital e outras.

A maioria das empresas conhece a importância de se dedicar a uma estratégia de marketing digital, mas como fazer isso de um jeito que garanta a saúde financeira do negócio e otimize os resultados? Para saber mais, saiba por que você deveria contratar uma agência de marketing digital!

Gostou desse texto?
Compartilhe na rede
Gostou do que viu?
Fale conosco
Redes
Sociais
dê uma espiada!