19 3846.1408

O poder das redes sociais para o marketing

Para começar a entender o poder das redes sociais na vida das pessoas, faça uma reflexão: como seria a sua vida hoje sem esses canais de comunicação?

Dizer que as redes sociais mudaram a forma das pessoas interagirem e se comunicarem, tanto com outras pessoas, como também com marcas e com a sociedade como um todo, não é uma suposição, é um fato.

Em um tempo não tão distante, as pessoas se comunicavam, muitas vezes, através de cartas. Isso para evitar contas altas de telefone. Ter contato instantâneo com fatos que acontecem do outro lado do mundo, era algo inimaginável. Estar o tempo todo conectado e sob influência de diversos conteúdos e figuras públicas, estava totalmente fora de contexto.

Quem poderia imaginar, há alguns anos, que contaríamos com ferramentas de comunicação que nos permitem estar em qualquer lugar, sem ao menos levantar da cama? Quem poderia imaginar que, algum dia, teríamos a possibilidade de estar em contato com pessoas queridas o tempo todo, sendo a distância entre elas, um mero detalhe?

Mudanças assim causam impactos na sociedade capazes de mudar o comportamento, os hábitos e costumes das pessoas. Logo, as marcas viram a necessidade de enxergar o marketing de outra forma e, em muitos casos, reestruturar todo o seu posicionamento e plano de comunicação, para se adequar ao consumidor da era digital.

O mediatismo é uma realidade, estamos mais ansiosos do que nunca, e as marcas precisam praticamente “adivinhar” o que queremos para ganhar espaço diante da concorrência.

Precisamos, mais do que nunca, falar sobre isso e entender o papel das redes sociais para o marketing digital. Que tal começarmos do começo?

Qual é a diferença entre mídias sociais e redes sociais?

É muito comum que as pessoas confundam os significados desses termos, aliás, não é raro encontrar pessoas que nem sabem que existe uma diferença entre eles.

Pois bem, a primeira coisa que você precisa saber é que as mídias sociais englobam todos os canais que permitem o compartilhamento de informações de maneira descentralizada, ao passo que, as redes sociais englobam apenas canais com foco em promover relacionamento. Ou seja, podemos dizer que as redes sociais formam um “grupo” de mídias sociais.

Segue uma breve definição de cada um desses termos, para ficar ainda mais claro:

Mídias sociais: São canais que permitem o compartilhamento de conteúdo, ideias, conexão e interação entre as pessoas. Podemos citar como exemplos de mídias sociais o Youtube, blogs, microblogs, fóruns, Twitter, Facebook, Pinterest, Linkedin

Redes sociais: Tratam-se apenas dos canais com foco em relacionamento e relações entre pessoas que possuem características em comum. Dentre as principais de redes sociais da atualidade estão o Facebook, Whatsapp e Instagram.

Para finalizar, podemos dizer que as redes sociais também são consideradas mídias sociais, todavia, nem todas as mídias sociais são consideradas redes sociais.

Qual é a relação do marketing digital com as redes sociais?

O marketing digital precisa ter uma relação estreita com as redes sociais, ou seja, se você ainda não adotou estratégias de marketing voltadas para esses canais, corre que ainda dá tempo.

Podemos dizer que as redes sociais são hoje a melhor forma de se manter conectado com o consumidor e conseguir atingi-lo de forma eficaz.

Pare para pensar: o que você faz no seu tempo livre? Provavelmente, você se entra no Whatsapp, Facebook ou Instagram com certa frequência, não é mesmo? Logo, qual é o lugar onde você tem maior probabilidade de encontrar a sua audiência? Nas redes sociais!

As pessoas passam muito tempo nessa plataforma, e utilizar-se de assuntos de interesse do seu público para aparecer na sua timeline é uma das maneiras mais assertivas para conseguir “pescá-lo”.

Não estou dizendo que o marketing nas redes sociais é a única estratégia na qual você deve investir. Na verdade, o ideal para qualquer marca que deseja atingir o sucesso nas estratégias de marketing digital é utilizar estratégias de inbound. Dessa forma, você segue os passos do seu público-alvo, entregando conteúdos relevantes para cada etapa do funil, e nos diferentes meios de comunicação pelos quais ele passa.

Como e por que devo me posicionar nessas plataformas?

Você deve buscar posicionamento nas redes através do compartilhamento de conteúdos que sejam relevantes para o seu público. E uma das tarefas mais difícil para qualquer profissional de marketing, é “desvendar” o que, de fato, atrai a sua audiência.

Por esse motivo, é essencial que não sejam medidos esforços nessa etapa do processo. O que estiver ao seu alcance, faça!

Quatro coisas essenciais se você está procurando entender o seu consumidor é: pesquisar, observar, analisar e testar. Pesquisas bibliográficas, pesquisas de campo, observação de comportamento nas redes sociais, testes A/B, enfim, tudo que puder trazer mais informações, vale a pena.

É um trabalho árduo, mas se bem executado, traz resultados realmente surpreendentes.

Preciso estar presente em todas as redes?

A dica que sempre dou é a seguinte: esteja presente em todos os canais onde a sua audiência estiver. Por outro lado, se o seu potencial cliente, em geral, não tem presença no Twitter, por exemplo, não faz sentido nenhum somar esforços nessa rede.

Outra dica importante é: qualidade é melhor que quantidade. É sempre importante levar em conta o tempo hábil para investir em cada rede, é bem melhor fazer um trabalho completo em uma ou duas redes, do que estar presente em todas e não aplicar estratégias personalizadas em cada uma delas.

Anúncios nas redes sociais

A concorrência nas redes sociais atualmente, é assustadora. Existem milhares e milhares de conteúdos gerados todos os dias. Estão todos em busca da atenção do consumidor, nem que seja por alguns segundos, tempo suficiente para gerar uma conversão.

Por esse motivo, realizar um bom trabalho nas plataformas digitais pode não ser o suficiente. É neste ponto que entendemos a importância de ser assertivo nos conteúdos publicados, para que seja possível se destacar em meio à tantas informações.

Todavia, para garantir que o seu conteúdo vá alcançar um público realmente relevante para você, que irá gerar engajamento e conversões, é necessário investir em anúncios e impulsionamentos.

Este investimento te permite segmentar quem deve ver suas postagens, apesar de continuar sendo um conteúdo público do qual qualquer pessoa poderá ter acesso, as plataformas te dão “aquele empurrãozinho” para que você apareça na timeline da sua audiência. Isso aumenta suas chances de ganhar aquele tão amado “like” e começar a desenvolver o seu posicionamento frente ao consumidor.

Desafios e oportunidades das redes sociais para o marketing

É verdade que as redes sociais trouxeram muitos desafios para as marcas e profissionais da área do marketing. Vimos ao longo de poucos anos, muitas empresas desaparecerem, outras tendo que se reinventar, vimos quedas e ascensões.

O consumidor mudou, as necessidades e desejos mudaram, e continuam mudando, de maneira exponencial. A comunicação que antes era unilateral, hoje se tornou dinâmica, e isso deu certo “poder” aos clientes. Logo, se não houver uma visão atenta para o futuro e real comprometimento em atender expectativas, fica difícil se manter em crescimento.

Por outro lado, hoje as marcas tem acesso a informações que há algum tempo ninguém imaginaria que seria possível. Os consumidores estão o tempo todo falando sobre eles nas plataformas de relacionamento, mostrando seus hábitos, o que gostam e não gostam, o desafio é encontrar a sua fatia de mercado e ficar de olhos bem abertos para acompanha-los.

A tecnologia e a redes sociais possibilitaram um relacionamento estreito entre as marcas e seus clientes, isso possibilita desenvolver estratégias de marketing extremamente eficazes. Além disso, com as informações e tecnologias que temos hoje, é possível antecipar desejos e superar expectativas. É claro que, para isso, também é preciso ter aquele toque de inovação.

A verdade é que seria mentira dizer que realizar um bom trabalho de marketing e se destacar nas mídias é uma tarefa fácil, ou que existe uma estratégia infalível a ser seguida. Cada negócio tem o seu público, cada público tem seus desejos, necessidades, hábitos e particularidades.

Não existe um caminho certo, a dica é buscar informações, estar atento ao mercado e aos consumidores e de olho nas inovações e tendências. Faça testes e adapte os conteúdos para cada rede social, humanize a sua marca e não desista até alcançar o posicionamento almejado.

Para aprofundar ainda mais seus conhecimentos sobre marketing nas redes sociais, leia: Produção de conteúdo para redes sociais: existe uma fórmula pronta?

Gostou desse texto?
Compartilhe na rede
Gostou do que viu?
Fale conosco
Redes
Sociais
dê uma espiada!